LOGO_MB.png
Maçãs em uma caixa
Papel reciclado

A nossa história

A Biomimos nasceu de um sonho com mais de 20 anos, primeiro do Sr. Luis que muito jovem começou a dedicar-se à agricultura e mais tarde juntou-se a Dona Isabel.

Juntos idealizaram trabalhar a terra com o respeito e dedicação que ela merece, sem químicos nem aditivos, através de cultura biológica certificada.

 

Garantem que na sua quinta só encontraram legumes e fruta fresca de acordo com a época, e que tudo é feito com muito amor.

Diz quem prova os produtos da Biomimos que sabe ao antigamente, e que dificilmente volta a comprar legumes e frutas noutro local.

Têm vindo a crescer, muito devido à fama dos seus saborosos alimentos, pois se há 4 anos, a Biomimos produzia 25 cabazes PROVE por semana, feitos há sombra de uma velha mas acolhedora laranjeira, hoje em dia produz entre 100 a 120 cabazes por semana na sua quinta em Palmela com mais de 2,5 ha. 

Para além de cabazes estão também presentes em diversos mercados, como o mercado Agrobio do Parque das Nações, e de Almada.

A Biomimos quer continuar a crescer e a chegar a cada vez mais clientes, mas garantindo sempre a mesma qualidade e aquele sabor que nos transporta ao antigamente, como sempre fez.

Cenouras orgânicas
LOGO_MB.png
Vegetais orgânicos frescos
LOGO_MB.png

Missão e valores

Missão

Produzir alimentos biologicos de elevada qualidade, sempre com respeito pelos
ciclos da terra

 

Valores

Qualidade e transparência,
são os nossos maiores valores

O QUE É SER CERTIFICADO

BIOLÓGICO?

Papel reciclado

A nossa equipa

Somos a Dona Isabel o Sr.Luis e

juntos somos a Biomimos. 

a Dona Isabel gere toda a parte comercial, é com ela que falam quando enviam os e-mails com os sobre os vossos cabazes.

 

É também a cara simpática que vêm nos mercados Agrobio parque das nações e Almada.

 

O Sr. Luis como técnico agrícola gere a produção agrícola para garantir que os produtos mantém a qualidade a que vos habituámos.

DSC_0640_edited.png

O que é ser
biologicamente certificado?

logótipo "Bio" da União Europeia (UE) distingue produtos alimentares, transformados ou não, produzidos a partir de pelo menos 95% de matérias-primas oriundas de produção biológica controlada, de acordo com os requisitos rígidos da UE.

 

Entre outras restrições, os produtos biológicos não são alterados geneticamente, não contêm aromas ou corantes artificiais e não devem ser submetidos a tratamento com produtos fitofarmacêuticos sintéticos. 

DSC_0372.jpg
LOGO_MB.png